Federer vence em Halle e parece estar pronto para Wimbledon

Wimbledon o suíço Roger Federer conquistou o título do Torneio de Halle pela nona vez no domingo (25) ao superar o alemão Alexander Zverev em apenas 53 minutos. O atual número cinco do mundo venceu por 2 sets a 0, parciais de 6/1 e 6/3.

Federer perdeu sua partida de abertura em um torneio de grama pela primeira vez em 15 anos, quando o No. 302 Tommy Haas o surpreendeu em Stuttgart. Mas essa foi a primeira partida competitiva de Federer desde que ele ganhou o Masters de Miami no início de abril. Federer disputou o torneio alemão na grama em busca de ritmo para Wimbledon, principal torneio desse semestre.

Haas, de 39 anos, é um dos poucos jogadores ativos que é mais antigo do que Federer. O ícone suíço admitiu que a perda lhe deu algumas dúvidas, até Halle acontecer e ele superar as expectativas.

Federer assumiu o seu revés e derrotou um dos melhores jogadores mais jovens, 20 anos, Alexandre Zverev, classificado como o número 12 do mundo. Federer demoliu a juventude na final com uma facilidade de arrepiar.

“Deixe que [perda anterior] seja esquecida”, disse Federer à imprensa depois que ele derrotou Zverev. “Eu realmente posso ganhar na grama”.

Wimbledon pode ser uma jornada perigosa, como Djokovic aprendeu no ano passado em sua derrota na terceira rodada para Sam Querrey. O No. 2 deveria voltar às quadras em Eastbourne; O próximo jogador mais bem classificado é o No. 16 Gael Monfils.

Ainda assim, não importa o que Djokovic faça esta semana, Federer aprendeu a narrativa pré-Wimbledon. Seu status foi reforçado pelo banho de sangue que ocorreu no Queens Club, onde os finalistas de Wimbledon do ano passado, Andy Murray e Milos Raonic, assim como o No. 3 Stan Wawrinka, foram eliminados na 1ª rodada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *