Joelho faz Serena Williams abandonar o WTA Premier de Roma

Serena Williams chegou ao WTA Premier de Roma como a grande estrela do torneio e com uma expectativa muito alta sobre o seu desempenho, já que não entrava em quadra desde o WTA de Miami há 2 meses.

Na ocasião a atleta que é 8 vezes campeã do WTA Premier de Miami venceu em sua estreia, mas com um problema no joelho foi obrigada a desistir da competição e deixou a chinesa Qiang Wang com a vaga nas oitavas de final. Na época ela disse em entrevistas:

– “Estou despontada por desistir do Miami Open por causa de uma lesão no joelho esquerdo. Foi uma experiência incrível jogar no estádio do Miami Dolphin este ano e eu gostaria de agradecer ao torneio por fazer um evento maravilhoso”.

E o que parecia impossível aconteceu de novo na volta da norte-americana no torneio romano, com a história se repetindo exatamente da mesma maneira como aconteceu em Miami há 2 meses.

Na estreia do WTA Premier de Roma Serena Williams venceu a sueca Rebecca Peterson sem nenhum tipo de susto, com a número 64 do ranking da WTA sendo derrotada por 2 sets a 0 com parciais de 6/4 e 6/2 em apenas 1h15 de partida.

Com isso, Serena se credenciou para enfrentar ninguém menos que a sua irmã Venus Williams, em um confronto que já aconteceu por 30 vezes na carreira de ambas. E Serena Williams leva a vantagem neste confronto familiar vencendo por 18 a 12 no total.

Porém, o confronto de número 31 terá que ficar para uma outra oportunidade já que por mais uma vez Serena sentiu um problema no joelho e foi obrigada a abandonar a competição.

Este seria o primeiro e único torneio de preparação para Roland Garros de Serena Williams, que agora terá que lugar contra o tempo para tentar participar do torneio de Roland Garros que se inicia no dia 26 de março em Paris.

Novamente Serena Williams usou um comunicado à imprensa para anunciar a sua desistência da competição:

– “Eu tenho que desistir do torneio por causa de dores no meu joelho. Eu sentirei falta dos fãs e da competição em um dos meus torneios favoritos. Vou me concentrar na recuperação e espero vê-los em Roland Garros e no próximo ano em Roma”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *