Naomi Osaka se garante como número 1 do ranking

A temporada do tênis internacional está no segundo Grand Slam da temporada, o torneio de Roland Garros nas quadras de Paris na França. E o que prometia ser uma das grandes emoções deste ano de 2019 sequer chegou a acontecer: a disputa do número 1 do ranking da WTA, que tinha nada menos do que cinco postulantes: além da atual líder Naomi Osaka ainda tínhamos Karolina Pliskova, Kiki Bertens, Angelique Kerber e Petra Kvitova.

A primeira a sair da corrida foi Petra Kvitova, que desistiu da sua participação antes mesmo do início do torneio por conta de uma contusão. E logo na sequência tivemos os péssimos inícios de Kiki Bertens e Angelique Kerber, que sequer chegaram às oitavas de final a saíram também precocemente da corrida pela liderança do ranking.

Com isso, ao invés de uma corrida pela liderança do ranking da WTA o torneio de Roland Garros acabou virando uma briga particular entre as duas primeiras colocadas na atualidade, a atual líder Naomi Osaka e a segunda colocada Karolina Pliskova.

Porém, também antes das oitavas de final Karolina Pliskova acabou caindo para a número 31 do mundo Petra Martic por 2 sets a 0 com parciais de 6/3 e 6/3, deixando a liderança do ranking da WTA garantida para Naomi Osaka independentemente do seu resultado no torneio de Roland Garros.

Esta era uma excelente chance para Pliskova, que chegava em Paris com o status de atual campeã do WTA Premier de Roma na última semana, e ainda fez grandes partidas nas primeiras rodadas de Roland Garros.

Mesmo que tenha garantido já o primeiro lugar do ranking da WTA antes do final de Roland Garros, Naomi Osaka ainda não poderá ser considerada a maior favorita para ficar com o título segundo os sites de apostas.

No betboo uma aposta no título de Naomi Osaka para o retorno de R$ 6,50 a cada R$ 1 apostado. Um valor que a coloca como a segunda maior favorita para ficar com o título mas que a deixa longe do retorno de R$ 3,25 da atual maior campeã Simona Halep. Garbine Muguruza aparece na terceira colocação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *