Novak Djokovic iguala Nadal em número de títulos de Masters 1000

A fácil vitória de Novak Djokovic contra o grego Stefanos Tsitsipas por 2 sets a 0 em apenas uma hora e meia de partida na final do ATP Masters 1000 de Madrid no último final de semana escreveu por mais uma vez o nome do sérvio na história do tênis, igualando o número de conquistas do maior campeão da história de torneios da série ATP Masters 1000, ninguém menos do que o espanhol Rafael Nadal.

Agora ambos dividem o incrível número de 33 conquistas de torneios Masters 1000, com Novak Djokovic tendo 3 títulos no torneio da capital espanhola. Este número ainda é inferior aos títulos de Nadal jogando “em casa”, já que o espanhol conquistou o ATP Masters 1000 de Madrid por 5 vezes.

Mesmo assim, o feito de Djokovic é muito grande já que consolida seu nome ainda mais como o maior vencedor de Masters 1000 de toda a história do tênis. Afinal, vale lembrar que o sérvio é o único jogador em toda a história a conquistar o chamado “Golden Masters”, tendo levantado pelo menos uma vez todos os troféus de torneios Masters 1000 do calendário: Indian Wells, Miami, Monte Carlo, Madrid, Roma, Montreal, Cincinnati, Xangai e Paris.

Com o título conquistado na capital espanhola Novak Djokovic amplia a sua distância para Rafael Nadal no ranking da ATP, com nada menos do que 4.170 pontos de vantagem entre líder e vice-líder.

Já Tsitsipas também saiu como vitorioso mesmo com a derrota contra Djokovic na grande final em Madrid, já que subiu de posição no ranking da ATP e agora é o 7º colocado, sua melhor posição na história.

Vale lembrar ainda que Rafael Nadal não vive uma grande temporada e ainda não conquistou nenhum título na temporada do saibro europeia pela primeira vez em sua carreira profissional. O espanhol ainda pode ver a sua distância para o sérvio aumentar já que é o atual campeão de Roland Garros e defende toda a pontuação de campeão neste ano.

Já Novak Djokovic poderá se tornar o maior campeão de torneios ATP Masters 1000 já nesta semana, quando é disputado o Masters 1000 de Roma onde ele entra como favorito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *