Djokovic continua favorito ao título em Wimbledon

Mais tradicional torneio do tênis internacional, o torneio de Wimbledon já começou nas quadras do All England Lawn Tennis and Croquet Club, em Londres. E na primeira rodada do torneio a zebra não passeou na grama quase sagrada do templo do tênis, e os principais favoritos continuam vivos na disputa.
Novak Djokovic
Wimbledon é, de acordo com o calendário da ATP, o terceiro Grand Slam da temporada, e um dos únicos torneios do circuito internacional do tênis a ser disputado tendo a grama como piso.

Além disso, o torneio de Wimbledon tem outras particularidades, como a obrigatoriedade de usar roupas totalmente brancas, incluindo até mesmo o solado dos calçados. Além disso, usar marcas de patrocinadores tanto pessoais como no próprio torneio é um tabu, sendo que apenas o patrocinador que fornece as bolinhas para o torneio consegue expor sua marca.

Dentro de quadra o favoritismo fica todo por conta de Novak Djokovic, que ficou com o título no ano passado e neste ano vem fazendo uma temporada incrível, com derrota apenas na final de Roland Garros.

Mas mais do que perder apenas um título, a queda de Djokovic na decisão do Aberto da França contra Stan Wawrinka rendeu ao sérvio o adiamento do sonho de conquistar o “Grand Slam da carreira”, título atribuído ao tenista que já conquistou todos os torneios de Grand Slam.

Os principais sites de apostas esportivas não acreditam que isso poderá influenciar o moral do tenista, e continuam o apontando como favorito para ficar com o título também no torneio inglês. No betboo uma aposta no título de Novak Djokovic em Wimbledon paga R$ 2,25 a cada R$ 1 apostado, número menor do que os R$ 3,60 pagos em caso de título de Andy Murray, R$ 8,00 de Roger Federer e R$ 11,00 de Rafael Nadal.

Stan Wawrinka, o suíço que acabou momentaneamente com os planos de Djokovic, paga a quantia de R$ 13,00. O Brasil estava representado por Feijão e Thomas Bellucci em Wimbledon, mas ambos já foram eliminados logo na primeira rodada e deixaram o país sem representantes no torneio que já foi conquistado duas vezes pela lenda Maria Esther Bueno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *